Pesquisar
Close this search box.

Gastromotiva e Comida Invisível firmam parceria para fomentar o reaproveitamento de alimentos orgânicos

Com a união, a ONG será contemplada na iniciativa da startup social que tem como objetivo destinar alimentos orgânicos excedentes dos produtores de hortifruti

Gastromotiva
Gastromotiva

 

Uma ótima notícia para quem como nós da Rede Food Service entende que sustentabilidade e food service tem tudo a ver! Afinal, a Gastromotiva, organização sem fins lucrativos fundada em 2006 pelo chef David Hertz com o objetivo de promover transformações sociais por meio da gastronomia, acaba de firmar parceria com a startup social Comida Invisível para, juntas, fomentarem o reaproveitamento de alimentos orgânicos.

 

Com a união, a ONG será contemplada na iniciativa da startup social que tem como objetivo destinar alimentos orgânicos excedentes dos produtores de hortifruti. “A startup social Comida Invisível se une à Gastromotiva em uma campanha para resgatar alimentos orgânicos que acabam, por vezes, sobrando nos pequenos produtores de hortifruti. Não raramente, esses alimentos excedentes têm como destino o lixo, impossibilitando seu uso. Segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), cerca de 1,3 bilhão de toneladas de alimentos são desperdiçados ou perdidos por ano. Assim, a startup social têm como objetivo driblar o descarte incorreto, destinando os produtos a quatro ONGS, entre elas, a Gastromotiva, instituição que promove ações de inclusão por meio da gastronomia social e que tem como um dos seus pilares de trabalho o combate ao desperdício de alimentos. As doações, que serão recebidas até dezembro, irão beneficiar duas das frentes da ONG: o Banco de Alimentos Gastromotiva, criado para atender organizações e projetos parceiros com doações de insumos que contribuem para a produção de refeições, e o Refettorio Gastromotiva, que produz, semanalmente, 1.300 refeições em formato de quentinhas distribuídas na região​central do Rio de Janeiro para pessoas em situação de vulnerabilidade”, detalha a assessoria de imprensa da Gastromotiva.

 

Em entrevista à nossa reportagem, David Hertz, chef co-fundador e presidente da Gastromotiva, comentou que “a iniciativa de resgatar e destinar produtos orgânicos excedentes é de extrema importância para todos os lados. Não somente teremos insumos para produzir mais refeições, ajudando mais beneficiários, como também estamos contribuindo com a sustentabilidade e combatendo o desperdício de alimentos”, ressalta.

 

Como tornar-se um doador(a) ou parceiro(a)?

 

Para tornar-se um doador(a) ou parceiro (a) da Comida Invisível junto à Gastromotiva, além de conhecer mais sobre a startup social, basta CLICAR AQUI!

 

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Fique Atualizado!

Assine nossa newsletter