Pesquisar
Close this search box.

BARTENDERS: conheça profissionais que atuam em hotéis do Nordeste

Da dedicação ao resultado, entendam como esse trabalho contribui para a experiência hoteleira

Bartenders1
Igor Brito, bartender no Nannai Noronha - Divulgação

 

É impossível não pensar na rede hoteleira do Nordeste sem imaginar os grandes resorts paradisíacos, a experiência na beira da praia, as festas noturnas e tudo que essas acomodações podem oferecer. Dentro desse contexto, está uma função que dá um “molho” na forma dos hóspedes consumirem bebidas nas dependências dos hotéis: a de bartenders.

 

Esses profissionais não apenas são experts na arte de preparar bebidas saborosas e “da moda”, mas também incorporam elementos regionais em suas criações, proporcionando aos hóspedes uma experiência sensorial singular e inesquecível.

 

Por isso, a Rede Food Service te convida a mergulhar no dia a dia e na realidade de alguns dos bartenders que atuam em hotéis do Nordeste e entender a realidade desses profissionais e dos locais que trabalham. Vem com a gente!

 

Desafios e conquistas do ofício

 

Os bartenders de hotéis do Nordeste carregam consigo histórias inspiradoras de paixão pela coquetelaria. As trajetórias são marcadas por desafios e conquistas, e revelam o quanto a dedicação e o amor pela profissão podem transformar vidas.

 

Bartenders4
Karine Xavier, bartender e mixologista do Nannai Resort & Spa – Divulgação

 

Karine Xavier é bartender e mixologista do Nannai Resort & Spa, localizado na praia de Muro Alto, no litoral sul pernambucano. Ela compartilhou sua trajetória tocante. “Na minha infância, tive muitos traumas por conta do alcoolismo do meu pai. Por esse motivo, cresci detestando bebidas alcoólicas. Costumo dizer que caí de paraquedas no ramo da coquetelaria, e quem diria? Me apaixonei”.

 

Ela explica que, após superar suas aversões iniciais, encontrou no universo dos coquetéis uma paixão. Com mais de 10 anos de experiência no Nannai Resort & Spa, Karine se destaca por sua habilidade e amor pelo que faz. “Realmente tinha que ser. Coisas do destino”, brinca.

 

Igor Brito, bartender no Nannai Noronha, teve uma ascensão gradual na carreira. “Na verdade, foram surgindo oportunidades, aí eu fui me desenvolvendo aos poucos e aperfeiçoando técnicas e prática”, conta.

 

Bartenders2
Everton Lucas, bartender do Makena Hotel – Divulgação

 

Há apenas seis meses como bartender, Igor já se destaca pela capacidade de utilizar ingredientes locais e pela inovação na criação de coquetéis exclusivos. A história dele é um exemplo de como a persistência e a vontade de aprender podem levar ao sucesso na coquetelaria.

 

Everton Lucas do Nascimento Barros, bartender do Makena Hotel, situado em Icaraizinho de Amontada, no Ceará, começou a carreira como garçom antes de migrar para a posição de barman. “No meio do caminho, encontrei alguns desafios para aprender tudo do zero, sem nenhum curso”. Sua dedicação e empenho o levaram a se destacar no hotel-boutique, onde trabalha há mais de dois anos. Everton enfatiza a importância de personalizar cada drink para criar uma experiência única e memorável para os hóspedes.

 

Bares na Piscina – Diferencial para Hotéis o ano todo

 

Técnicas e inovações

 

A excelência e destaque dos bartenders do Nordeste não se limita apenas às trajetórias pessoais inspiradoras, mas também se reflete nas técnicas de mixologia e inovações na criação de coquetéis. Cada bartender traz uma abordagem única, e utiliza habilidades e conhecimentos adquiridos ao longo de suas carreiras para encantar os hóspedes com bebidas memoráveis.

 

Bartenders5
Igor Brito, bartender no Nannai Noronha – Divulgação

 

Karine Xavier, do Nannai Resort & Spa, destaca-se pela sensibilidade ao criar seus coquetéis. “Minha principal técnica é uma pitada de amor. Ao criar um coquetel, sempre o preparo como se fosse para mim. E assim consigo garantir que estou sempre dando o meu melhor”. Karine ressalta ainda a importância de se colocar no lugar do cliente, buscando sempre entregar o máximo de qualidade e dedicação em cada drink preparado.

 

Igor Brito, do Nannai Noronha, revela que utiliza a riqueza dos ingredientes locais para inovar em suas criações. “Aqui no Nordeste, temos a vantagem de ter vários pés de frutas, e no Nannai Noronha temos nossa horta também. Com isso, conseguimos fazer algo bem local e especial”, explica.

 

Ele exemplifica com uma de suas práticas: “Vou lá pegar no pé de pitanga e fazer uma caipirinha com a fruta que acabei de colher”. A utilização de ingredientes frescos e cultivados localmente não só garante a qualidade dos coquetéis, mas também oferece uma experiência autêntica e regional para os hóspedes.

 

No Makena Hotel, Everton Lucas se destaca pela personalização de drinks conforme o gosto dos clientes. “A personalização depende do gosto dos clientes, usando nossos insumos frescos e regionais, como o caju, manga, seriguela, cajá, etc”. Everton fala também que é importante adaptar cada drink aos desejos dos hóspedes, criando coquetéis que não apenas satisfazem, mas surpreendem e encantam.

 

Essas declarações demonstram como técnicas refinadas e a inovação constante são essenciais para se destacar no ramo da coquetelaria. Com um profundo conhecimento dos ingredientes e uma abordagem personalizada, eles conseguem transformar cada drink em uma experiência única.

 

Personalização dos coquetéis

 

A criação de experiências memoráveis para os hóspedes é um diferencial dos bartenders do Nordeste, mas também um baita desafio. A dedicação máxima é para personalizar cada drink e atender às preferências individuais. Karine Xavier acredita que o trabalho em equipe e o amor pelo que fazem são fundamentais para criar memórias inesquecíveis. “Nosso trabalho principal aqui no Nannai é certamente escrever memórias incríveis na mente e no coração dos nossos clientes. E, em grande maioria, conseguimos”. Para ela, a personalização vai além de ajustar ingredientes; trata-se de criar uma experiência emocionalmente significativa para cada hóspede.

 

Bartenders3
Karine Xavier, bartender e mixologista do Nannai Resort & Spa – Divulgação

 

Igor Brito ressalta a importância de entender e atender às preferências dos hóspedes, especialmente os internacionais. “Tem alguns hóspedes de outros países que têm algumas peculiaridades. Quando está na nossa alçada, conseguimos satisfazê-los, e, caso contrário, tentamos fazer algo legal e parecido para satisfazê-los. Dá muito certo”, diz.

 

Essa adaptabilidade garante que cada hóspede se sinta valorizado e bem atendido, independentemente de suas preferências culturais ou pessoais. No Makena Hotel, Everton Lucas adota uma abordagem personalizada com base nas informações dos hóspedes.

 

“Seguimos um prontuário específico para cada hóspede, onde temos informações privilegiadas dos gostos e sabores, para assim podermos com antecedência ter os insumos de drinks da preferência deles”. Essa atenção aos detalhes permite que Everton crie coquetéis sob medida, elevando a experiência do hóspede a um novo patamar de exclusividade e satisfação.

 

Os bartenders do Nordeste não apenas dominam técnicas sofisticadas de mixologia, mas também transformam ingredientes locais em experiências para os hóspedes. Com histórias inspiradoras, como as de Karine, Igor e Everton, é possível perceber que a mistura das habilidades com a paixão pelo trabalho garantem que cada drink não seja apenas uma bebida, mas uma memória marcante.

 

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Fique Atualizado!

Assine nossa newsletter