Pesquisar
Close this search box.

Diblu: a gelateria saudável criada por advogada e fatura mais de R$ 50 mil só no fim de semana

Quem vai até a gelateria, localizada em São Paulo, capital, encontra produtos sem adição de corantes, conservantes, gordura hidrogenada e açúcar refinado

Diblu1
Diblu gelateria saudável - Divulgação

 

Oferecer uma opção verdadeiramente mais saudável de gelato. Esse é o propósito da Diblu, uma gelateria criada por uma advogada na pandemia de Covid-19 que já fatura mais de R$ 50 mil só no fim de semana e que, hoje, nós da Rede Food Service temos o prazer de te apresentar com um exemplo de que investir no quesito saudabilidade no atual mercado food service é uma boa aposta.

 

Localizada no bairro da Vila Nova Conceição, em São Paulo, capital, quem vai até a gelateria encontra produtos sem adição de corantes, conservantes, gordura hidrogenada e açúcar refinado. “Eu sempre senti necessidade de ter uma loja ligada a produtos saudáveis e um espaço acolhedor para receber as pessoas, reunir famílias e amigos e foi assim que nasceu a Diblu. A minha prioridade é deixar o cliente feliz e oferecer uma opção mais saudável quando forem consumir um gelato.  Hoje, vendemos mais de R$ 50 mil só no fim de semana e a nossa margem de lucro chega a 20%”, relata Juliana Baeta Neves de Carvalho, de 30 anos, advogada e a idealizadora da Diblu Gelateria.

 

Em entrevista exclusiva à nossa reportagem, a empresária, que é noiva e não tem filhos, revela que o que mais caracteriza a Diblu Gelateria é “ser uma gelateria saudável, pois os nossos gelatos são sem lactose, trigo e acúcar refinado. São muito menos calóricos que um gelato normal, assim como com menos gordura e mais fibra. Quando começamos, não tínhamos noção da proporção que isso tomaria tão rápido. Mas, estamos muito felizes com o retorno e eu já quero abrir mais unidades, pois, por não esperar esse sucesso, a Diblu ficou muito pequena para a demanda. Então, queremos ampliá-la”, compartilha.

 

QUER CONHECER MAIS SOBRE A DIBLU GELATERIA?

 

É só conferir abaixo:

 

  • O QUE É E COMO SURGIU A IDEIA DA DIBLU GELATERIA?
  • EQUIPE, FUNCIONAMENTO E PLANOS PARA A DIBLU GELATERIA
  • PERFIL DE CLIENTE E CARDÁPIO DA DIBLU GELATERIA
  • SEGREDO PARA TER SUCESSO NO ATUAL MERCADO FOOD SERVICE DE GELATERIA

 

O QUE É E COMO SURGIU A IDEIA DA DIBLU GELATERIA?

 

De acordo com Carvalho, a Diblu Gelateria é “uma opção mais saudável para o seu gelato! É uma gelateria onde nos preocupamos com os ingredientes, pois não usamos corantes, conservantes, gordura hidrogenada e acúcar refinado. Queremos que o cliente saia feliz e satisfeito sempre. No nosso espaço, unimos sabor, equilíbrio e bem estar”, garante.

 

Diblu5
Juliana Carvalho, proprietária da Diblu Gelateria – Foto: Divulgação

 

Sobre como surgiu a ideia do negócio, a advogada e empresária conta que “na pandemia de Covid-19, eu era advogada e estava trabalhando em uma grande empresa brasileira. Porém, eu comecei a ajudar a funcionária que trabalha há anos na minha casa a vender os doces dela. E, com isso, eu vi o quanto aquilo fazia brilhar os meus olhos e isso tanto para trabalhar com alimentação, quanto sobre o contato com os clientes. Então, eu comecei a fazer cursos de gelato e iniciei no delivery para ver a aceitação do público. E, depois, há nove meses, eu abrir o ponto físico”, relata.

 

Carvalho divide ainda que o conceito da Diblu Gelateria “foi inspirado nas regiões com a melhor longevidade do planeta, as chamadas Blue Zones, onde as pessoas têm um grande senso de comunidade, conexões sociais profundas e que engajam a todos terem hábitos mais saudáveis. Nós ressaltamos os pilares em comum entre elas sobre o cuidado com o outro, o senso de comunidade e uma alimentação mais consciente”, ressalta.

 

Eventos de Food Service e gastronômicos em 2024: confira a lista imperdível para empresas e fornecedores!

 

EQUIPE, FUNCIONAMENTO E PLANOS PARA A DIBLU GELATERIA

 

Atualmente, a equipe da Diblu Gelateria é composta por 12 colaboradores e o seu funcionamento é “todos os dias, das 11h00 às 1h00, mas começamos a produção logo cedo, às 07h00, para servir tudo fresquinho. Além disso, também entregamos via Ifood. Temos uma pessoa fazendo casquinhas o dia todo, o que faz a rua inteira ficar com cheirinho”, realça Carvalho.

 

Diblu7
Diblu Gelateria – Foto: @diblu.gelato

 

Outro ponto de destaque sobre o funcionamento da Diblu Gelateria é que o negócio possui um ambiente com decoração intimista, incluindo mesas redondas, espelhos, tons suaves na cor azul e uma playlist especial tocando. E, para quem deseja uma área externa, há ainda um deck ao ar livre que serve também para quem vai com o seu pet que, inclusive, ganha de cortesia um picolé de frutas naturais com palitos de petisco e água fresca. Assim como, quem visita a gelateria com bebês, ganha um picolé apenas de fruta feito especialmente para os pequenos.

 

PERFIL DE CLIENTE E CARDÁPIO DA DIBLU GELATERIA

 

Na avaliação de Carvalho, o atual perfil de cliente da Diblu Gelateria “está cada vez mais misturado. A maioria ainda é mulher, mas temos muitos clientes homens, idosos e crianças, sendo esses pertencentes à classe média até a AA”, define.

 

Diblu6
Diblu Gelateria – Foto: @diblu.gelato

 

Em relação ao cardápio, a advogada e empresária divulga que “temos gelatos, milkshakes, cafés, pão de queijo e dadinho de tapioca, caldas e toppings para completar os gelatos. Mas, é claro, o nosso carro-chefe é o gelato, sendo que os que mais saem são os sabores crocante de amêndoas, pistache, chocolate ao leite de aveia e o Diblu: fior di latte com spirulina azul. Nas 16 cubas compostas de gelatos e sorbets artesanais feitos diariamente pela nossa produção, são usados apenas ingredientes naturais e frescos, além de frutas da estação. Na composição dos produtos, não são usados corantes, conservantes, gordura hidrogenada, trigo e açúcar refinado. O gelato carro- chef que leva o nome DiBlu vem na cor azul refletindo a identidade visual da marca e é feito com leite zero lactose e spirulina azul que tem propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.

 

Diblu4
Diblu Gelateria – Foto: @diblu.gelato

 

Outros sabores em destaque são os de nozes com doce de leite, caramelo salgado, chocolate ao leite de aveia, além do pistache, que é líder de vendas. E temos também opções veganas e leves, como o maracujá e frutas vermelhas.  E as nossas casquinhas são vendidas nos valores de R$ 23 (1 sabor) e R$ 26 (2 sabores). Já os copinhos, há três preços: pequeno R$ 20 até 2 sabores, médio R$ 23 até 2 sabores e o grande R$ 26 e leva até 3 sabores”, detalha.

 

Fispal Food Service: o que é, como funciona e atualizações!

 

SEGREDO PARA TER SUCESSO NO ATUAL MERCADO FOOD SERVICE DE GELATERIA

 

E aí? A história de Carvalho e da Diblu Gelateria te inspirou a também abrir uma gelateria na sua cidade?

 

Se sim, saiba que, conforme a advogada e empresária, o segredo para alcançar o sucesso no atual mercado de food service de gelatria está em “fazer com o coração o que você ama, sempre dar razão ao cliente e nunca sossegar até todos saírem satisfeitos, além de ter boas pessoas ao seu lado que te ajudarão nessa jornada ‘doida’. Assim como, é preciso ter uma produção diária para servir um produto sempre fresco e ter em mente que o investimento será muito alto, uma vez que o maquinário de gelateria italiano é muito caro no Brasil”, aconselha.

 

Na Rede Food Service é assim! Sempre compartilhamos com você histórias de negócios de alimentação fora do lar que deram certo como inspiração. Por isso, continue nos acompanhando e aproveite para CLICAR AQUI e também conhecer o Burguês, uma das maiores hamburguerias focada em delivery do Brasil criada com investimento inicial de R$ 50 mil.

 

tabata 18883500028c
+ posts

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Atualizado!

Assine nossa newsletter

Veja também...