Pesquisar
Close this search box.

De lavador de pratos a proprietário de restaurantes: conheça a vida de chef de Aldo Teixeira

Em entrevista exclusiva à Rede Food Service, o amante da culinária italiana garante que vida de chef é zero glamour, mas puro amor

ChefAldo1
O Chef Aldo Teixeira - Divulgação

 

De lavador de pratos a proprietário de restaurantes. Esse é o inspirador enredo da vida profissional de Aldo Teixeira, de 67 anos, o chef Aldo Teixeira, que, hoje, nós da Rede Food Service temos o prazer de te apresentar.

 

Em entrevista exclusiva à nossa reportagem, o Chef-Proprietário dos Restaurantes La Forchetta e La Terrina, ambos localizados em São Paulo, capital, desvenda que vida de chef não tem glamour!!! Vida de chef é para quem ama a profissão. É uma jornada longa e gratificante”, afirma.

 

QUER CONHECER MAIS SOBRE A VIDA DE CHEF DE ALDO TEIXEIRA?

 

É só conferir na sequência:

 

  • QUEM É ALDO TEIXEIRA?
  • FORMAÇÃO E EXPERIÊNCIAS PROFISSIONAIS
  • MOMENTOS MARCANTES NA SUA CARREIRA
  • ATUAL ROTINA COMO CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES
  • MUDANÇAS E APRENDIZADOS COMO CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES NA PANDEMIA DE COVID-19
  • VISÃO DO MERCADO FOOD SERVICE COMO CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES
  • DICA PARA QUEM DESEJA SER CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES

 

QUEM É O CHEF ALDO TEIXEIRA?

 

Casado pela segunda vez, pai de três filhos e avô de quatro netos, Teixeira

“é um administrador de restaurantes focado na perfeição. E, no lazer, que gosta de passear de moto, viajar e visitar museus, pois eu sou um apaixonado por história”, se apresenta.

 

ChefAldo2
O Chef Aldo Teixeira – Divulgação

 

Especificamente sobre o lado profissional, o chef divide que “eu sou um Chef que tem necessidade de estar sempre criando novas receitas. O meu estilo de culinária é a cozinha italiana, mas eu adoro a cozinha portuguesa, brasileira e a cozinha das américas”, partilha.

 

FORMAÇÃO E EXPERIÊNCIAS PROFISSIONAIS

 

Teixeira é formado em Administração Hoteleira pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e conta que o seu contato com o segmento food service é coisa de família, uma vez que “eu sempre gostei de cozinhar e ficava observando a minha avó preparar massas frescas na cozinha do sítio onde ela morava, em José Bonifácio, no interior de São Paulo. A minha história na gastronomia teve início em 1976, quando eu comecei a trabalhar, ainda adolescente, no Restaurante Forchetta d´Oro”, relata.

 

ChefAldo3
Um dos pratos do Chef Aldo Teixeira – Divulgação

 

Sobre as suas experiências profissionais, o chef compartilha que “eu comecei no Restaurante Forchetta D`Oro como lavador de pratos, passei por todos os setores da cozinha, salão e compras. Mas, eu não queria ser somente um Chef de Cozinha, sendo que o meu sonho sempre foi ser proprietário de restaurante. Assim, eu comecei como lavador de pratos e fui, no decorrer dos anos, pizzaiolo, cozinheiro, gerente de restaurante e chef de cozinha até chegar a proprietário de restaurante”, detalha.

 

É válido realçar que Teixeira trabalhou no Forchetta D’oro, localizado no bairro Jardins, em São Paulo, capital, por 16 anos e, depois dessa longa jornada, conseguiu comprar a casa, assim como inovar o seu cardápio e aumentar o faturamento da mesma em 30%. Além disso, em 2001, o chef abriu o restaurante La Terrina, em Pinheiros, também em São Paulo, e fechou o La Forchetta, da Bela Cintra, para reinaugurar, em 2012, em endereço nobre na Vila Olímpia, na rua Santa Justina, além de também ter atuado em inúmeros eventos gastronômicos e serviços de gastronomia hoteleira para a rede Accor Hotels.

 

MOMENTOS MARCANTES NA SUA CARREIRA

 

Com mais de 45 anos de experiência profissional, Teixeira afirma que já passou por vários momentos marcantes durante a sua carreira, sendo que alguns deles são impossíveis de serem esquecidos. “Tem uma experiência marcante que sempre lembro que foi quando um empresário me chamou para fazer um evento para 150 pessoas e, ao começarmos a falar sobre o cardápio, eu falei para ele das opções e ele concordou com tudo. Mas, quando eu perguntei sobre a data do evento, ele me disse: ‘é hoje à noite’. Aí, eu perguntei: ‘está brincado, né?’ Mas, a resposta foi ‘eu não estou brincado, pois acabei de fechar um espaço, já convidei o líder do Governo na Câmara do Deputados e outras celebridades. Por isso, não quero saber quanto vai custar. Eu preciso do jantar e conto com você, por favor, me ajuda’! E, assim, eu ajudei, é lógico! Além disso, em outra data, em uma festa de casamento, a banda mandou chamar o Chef, eu no caso. E, quando eu cheguei, os noivos já estavam no palco querendo falar sobre a festa. E, ao subir no palco, eles agradeceram o serviço, colocaram uma bandana de Haley Davidson na minha cabeça e falaram: ‘esse é o nosso Chef Rock Roll’ e pediram para a banda tocar o hino do motociclista, a música Born To Be Wild do Stepperwolf. Assim como, uma vez, no nosso espaço de eventos, uma empresa de perfumes pediu para eu criar receitas baseadas nas cores das novas embalagens dos perfumes, o que foi um belo desafio”, relembra.

 

ATUAL ROTINA COMO CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES

 

Quando questionado sobre como é a sua atual rotina como Chef-Proprietário de Restaurantes, Teixeira esmiuça que, “hoje, eu sou o Chef Executivo dos Restaurantes La Terrina e Forchetta D `Oro. Eu crio os menus das estações, novidades para o café da manhã dos hotéis, o menu de eventos corporativo e o menu de eventos sociais. Atualmente, eu me considero um chef consagrado, que avalia que trabalhar não é um sacrifício e sim uma diversão. Afinal, os meus clientes me tratam com um membro da família e já são muitos anos servindo esses clientes. Tenho dificuldades? É claro! Mas, tudo vai depender de como vamos resolver as dificuldades. Um exemplo disso é que passamos por muitos planos econômicos, passamos até por uma pandemia de Covid-19 e, hoje, os meus restaurantes estão melhores que em 2019. Então, eu só tenho que agradecer”, comemora.

 

ChefAldo4
O famoso Tiramissú do Chef Aldo Teixeira – Divulgação

 

O chef acrescenta que, hoje em dia, “a minha meta é preparar o Forchetta D`Oro para os seus 50 anos de história. Eu sonho também em terminar o meu segundo livro e espero que o segundo faça tanto sucesso como o meu primeiro livro, intitulado de ‘Cozinhando com Frutas’. Penso também em abrir uma filial do Forchetta D`Oro na Itália. Isso mesmo, na Itália, na região do Piemonte, provavelmente, em Torino. E eu tenho certeza de que os ingredientes italianos vão fazer muito sucesso com o meu jeito de preparar as receitas”, acredita.

 

MUDANÇAS E APRENDIZADOS COMO CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES NA PANDEMIA DE COVID-19

 

Assim como para a maioria dos profissionais do ramo de alimentação fora do lar, a pandemia de Covid-19 e todos os seus percalços sociais e econômicos também foi um momento de muitas mudanças e aprendizados para Teixeira como pessoa e empresário.

 

ChefAldo5
O Chef Aldo Teixeira – Divulgação

 

Nesse sentido, ele ressalta que, “em 2019, o grupo Forchetta D`Oro era composto por três restaurantes localizados em hotéis, sendo que esses três restaurantes serviam, em média, 900 cafés da manhã por dia. O restaurante comercial atendia 300 pessoas por dia e o espaço de eventos tinha capacidade para 600 pessoas. Mas, com o início da pandemia de Covid-19, tivemos que fechar dois restaurantes e o espaço de eventos. E a parte mais triste foi ter que demitir 120 colaboradores. Isso, com certeza, foi a parte mais difícil! O dinheiro não dói e o que doeu foi ver essas pessoas sem emprego, só dependendo da rescisão, FGTS e o seguro-desemprego”, alega.

 

Em contrapartida, também foi durante a pandemia de Covid-19 que o chef encontrou uma forma de se manter ativo e, principalmente, manter os seus dois restaurantes abertos. E prova disso é que, dentro do La Forchetta, ele montou uma charmosa rotisserie, a Forchetta d’Oro, com opções de molhos e massas frescas para finalizar e degustar em casa, e uma cartela de vinhos variadas. E o sucesso dessa ideia foi tão grande que a rotisserie, atualmente, tem lugar fixo, logo na entrada do restaurante. Assim como, com a retomada do comércio e diante de novos costumes, Teixeira também incorporou uma área ao ar livre externa ao seu restaurante e a transformou em um ambiente bar, que se tornou uma ótima opção para aqueles clientes que buscam por drinks clássicos.

 

VISÃO DO MERCADO FOOD SERVICE COMO CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES

 

Na visão de Teixeira como Chef-Proprietário de dois Restaurantes, o atual mercado food service “não é fácil! Eu diria que não é para amadores! Inclusive, hoje em dia, é normal você ver vários restaurantes com uma boa cozinha, mas que fecham as portas em apenas um ano. Atualmente, para ter sucesso nessa área, tem que conhecer o mercado, contratar os bons profissionais e estudar muito bem o bairro em que você pretende colocar o seu restaurante. Não basta saber cozinhar! Tem que ser também um bom administrador de alimentos e de bebidas”, alerta.

 

O chef divide ainda que, para ele, “a gastronomia está em alta e todos estão criando conceito de alimentação. Mas, o bom clássico nunca vai morrer! Hoje, tem Chef que não sabe desossar um frango, limpar um filet mignon e filetar um peixe e se sente como celebridade”, pondera.

 

DICA PARA QUEM DESEJA SER CHEF-PROPRIETÁRIO DE RESTAURANTES

 

Por fim, Texeira deixa a seguinte dica para quem deseja ser Chef-Proprietário de restaurantes assim como ele conseguiu tornar-se: “saiba que vai trabalhar enquanto os outros estão se divertindo. Você vai trabalhar muito é não vai ganhar o quanto gostaria de receber. Pois, para ser Chef, tem que saber cozinhar, conhecer as mercadorias, fazer a lista de compras, a escala de folga da equipe e a ficha técnica dos pratos, além de ter muita paciência para ensinar. Tem também que ser generoso e visitar mercados, já que é o olhar para um peixe na banca que vai te dar a expiração para uma nova receita. Assim como, tem que ler tudo de gastronomia”, aconselha.

 

Na Rede Food Service é assim! Toda semana, te mostramos exemplos práticos do que, realmente, é a vida de chef. Sendo assim, continue nos acompanhando e aproveite para agora CLICAR AQUI e também conhecer Lara Natacci: a ‘nutrichef’ que ensina receitas saudáveis e práticas nas mídias sociais.

tabata 18883500028c
+ posts

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Fique Atualizado!

Assine nossa newsletter

Veja também...