in

Cheirin Bão: a rede de franquias que foi criada com o propósito de democratizar o café especial entre os brasileiros

Com atuais 480 unidades e um total de 2.500 colaboradores, marca possui dois sócios que esperam chegar a 2 mil lojas e gerar 20 mil empregos em todo o Brasil

Eduardo Schroeder e Wilton Bezerra, fundadores da Cheirin Bão - Foto: Cheirinbao - Reprodução

 

Democratizar o café especial entre os brasileiros. Esse é propósito de criação da Cheirin Bão, uma rede de franquia com atuais 480 unidades e um total de 2.500 colaboradores que, hoje, nós da Rede Food Service temos o prazer de te apresentar.

 

Atualmente, a marca possui dois sócios, Wilton Bezerra e Eduardo Schroeder, que esperam chegar a 2 mil lojas e gerar 20 mil empregos em todo o Brasil. “Estamos juntos desde o início da marca e investimos muito na formação do nosso time. Por isso, temos muitos colaboradores que estão conosco desde o início. Recentemente, nos tornamos um S/A e estamos preparando a empresa para o IPO em 2025. Queremos chegar em 2 mil lojas e gerar 20 mil empregos em todo o Brasil. Vemos, hoje, como conseguimos nos destacar no mercado e, por isso, não queremos nos acomodar. Planejamos trazer ainda mais novidades, desde novos sabores de café, até a área Comercial da nossa rede. Nosso objetivo é estar ainda mais atento às tendências do mercado e manter nossa comunicação de qualidade com os franqueados e clientes”, afirma Bezerra em entrevista exclusiva à nossa reportagem.

 

O que é a Cheirin Bão?

 

Conforme a assessoria de imprensa da rede de franquias, a “Cheirin Bão é uma franquia da Holding Universal Franchising, que passou a integrar o grupo em 2016, recebendo um novo conceito que, hoje, é o principal motivo do seu sucesso. Muito mais do que cafeteria de cafés especiais, nos tornamos especialistas em proporcionar momentos únicos e criar boas memórias por meio de sensações e aromas que remetem às melhores lembranças da nossa vida”, resume.

 

Foto: Divulgação

 

Bezerra, por sua vez, acrescenta que “somos a maior rede de franquias de cafés especiais do Brasil. Nós começamos com o objetivo de democratizar o café especial no país e levar um pedacinho de Minas Gerais para todo o Brasil. Hoje, somos uma rede consolidada, que entrega produtos exclusivos e de altíssima qualidade em grande variedade e, sem dúvida, temos os franqueados com o maior resultado do setor. A ideia da empresa começou na vivência cotidiana nas cidades do interior do Sul de Minas Gerais, observando hábitos, costumes e, principalmente, tendo contato constante com produtores de cafés especiais de Serra da Mantiqueira. Todos os nossos insumos chegam às lojas a partir do nosso centro de distribuição ou fornecedores homologados. Tudo é pensado para um preparo rápido, porém, com um nível altíssimo de qualidade, principalmente, com uma experiência fantástica para os clientes”, salienta.

 

Cardápio e perfil de cliente

 

Em relação ao Cardápio da Cheirin Bão, Bezerra considera ser bastante variado e bem trabalhado. “Atualmente, oferecemos cafés, capuccinos, chás e algumas bebidas especiais da marca, como Julieta e Romeu, Cappucinoca, Oncoto, Proncovo e Sexy on the coffee. O nosso carro chefe são os Microlote que, a cada mês, produzimos uma nova edição, sempre buscando pequenos produtores com cafés de sabores únicos”, destaca.

 

Foto: Divulgação

 

Sobre o perfil de cliente da rede, o empresário avalia que é composto por “famílias, mulheres, pessoas diversas que, normalmente, prezam pelo sabor e a experiência diferenciada. Aquelas que não querem apenas um ‘cafezinho’ espresso. Por isso, o que mais nos caracteriza é um ambiente acolhedor e o atendimento afetuoso, que fazem com que o cliente, a partir da nossa comida e do nosso ambiente, lembrem dos avós, dos passeios pelo interior e das lembranças das comidas gostosas”, garante.

 

Inspirações e expectativas de lucratividade

 

Segundo Bezerra, a inspiração mais forte que ele e o sócio seguiram e seguem até hoje em relação à Cheirin Bão é conhecida “Starbucks. Isso como rede e posicionamento de marca, além das centenas de pequenos estabelecimentos do interior de Minas Gerais que também nos inspiram bastante”, divide.

 

Foto: Divulgação

 

O empresário partilha também que “somente durante o ano de 2021, foram 92 franquias abertas, 41% a mais que em 2020. Fechamos 2021 com o faturamento global da empresa de R$ 200 milhões. Já para 2022, os planos são ainda maiores, já que esperamos que sejam mais de 500 novas unidades, sendo 300 já confirmadas. Com isso, miramos em um faturamento de R$ 268 milhões até o fim deste ano”, relata.

 

Crescimento em plena pandemia de Covid-19

 

Ao contrário do que aconteceu com a maioria dos negócios food service desde o começo da atual pandemia de Covid-19, Bezerra diz que ele e o sócio conseguiram crescer a Cheirin Bão mesmo diante da crise social e econômica desencadeada não só no Brasil, mas em todo o mundo. “Tivemos um crescimento considerável durante a pandemia de Covid-19. Isso porque fizemos alterações nos cardápios, apostamos em bebidas e comidas mais afetivas, como bolos, sanduíches, pão de queijo e capuccinos especiais. Também implementos os delivey e cardápios digitais para facilitar o pedido a distância, o que também nos abriu um novo canal de vendas que, até o momento, ainda não havíamos explorado”, comemora.

 

Foto: Divulgação

 

Como funciona o processo de franchising da Cheirin Bão?

 

Ficou interessado (a) em abrir uma franquia da Cheirin Bão? Então, saiba que, para isso, você precisa “se submeter a um cadastro inicial. A partir daí, o nosso time de expansão inicia a explanação sobre o negócio. Se mantendo o interesse do candidato, ele passa para uma entrevista com o nosso Supervisor e Diretor da Área para entendermos se é o momento ideal para empreender e se está ciente e preparado em todos os aspectos importantes para se tornar um franqueado de sucesso. Concluída a fase de entrevista, o candidato faz o investimento da taxa de franquia e o restante do desembolso é feito durante o período de implantação da loja diretamente aos fornecedores”, convida Bezerra.

 

Foto: Divulgação

 

Segredo do sucesso

 

Por fim, o empresário indica que o segredo para alcançar sucesso no atual mercado food service é ter “originalidade, atendimento personalizado e inovação constante. Identifique, rapidamente, no que você é bom e foque no seu diferencial. Não queira parecer com os outros e/ou atender todos os pedidos de todos os clientes. Se não, perderá seu diferencial e não conseguirá se posicionar. Faça uma boa engenharia de cardápio, não amplie muita os insumos e os utilize de maneira inteligente para evitar desperdício e prejuízos”, aconselha.

 

Quer conhecer a história dos bastidores de outras redes de franquias bem-posicionadas no mercado de alimentação fora do lar como a Cheirin Bão? Então, continue nos acompanhando! Pois, aqui na Rede Food Service, te informar mais e melhor é o que nos move diariamente!

Escrito por #molongui-disabled-link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Comentários

0 comentários

iFood lança maior festival gastronômico de delivery no Brasil

Meio da Asa na Panela com Legumes