in

PÁSCOA NO FOOD SERVICE PARA ALÉM DAS CHOCOLATERIAS E DOS OVOS TRADICIONAIS

Não só com o tradicional ovo de chocolate se comemora mais essa data tão importante de vendas para o segmento

Cleusa Maria, fundadora da Sodiê Doces, que em 2021 vendeu 400 toneladas de bolos na Páscoa - Foto: Divulgação

 

Levantamento recentemente realizado e divulgado pela Scanntech, plataforma de dados granulares e acionáveis que aumenta a eficiência do varejo, revela que o período da Páscoa, de março a abril, representa 26% das vendas de chocolate do ano todo, crescendo 76% quando comparado com a média de vendas dos demais meses. A mesma pesquisa assinala que os chocolates em formatos tradicionais já representam 77% das vendas na Páscoa e os tradicionais ovos os outros 23%.

 

Novas demandas e características de consumo fazem com que a data que antes era marcada apenas pelo almejados Ovos de Páscoa, seja cada vez mais vista pelos estabelecimentos que não são do segmento de “chocolaterias”,como mais uma oportunidade de venda durante o ano.

 

Empresários contam aqui na Rede Food Service que investiram ‘pesado’ em opções alternativas ou complementares de produtos e em inovação para aproveitarem o fluxo e a demanda proporcionados pela data.

 

De acordo com Tiago Vavassori, Gerente da Scanntech e responsável pelo estudo de dados realizado sobre a Páscoa, cabe também ressaltar que, atualmente, “a Páscoa alavanca não só as vendas de chocolates, mas de toda a cesta de Páscoa que consideramos também como categorias: peixes e frutos do mar, vinho, leite condensado, azeites, sardinha, azeitonas, leite de coco e creme de avelã, além do chocolate, os ovos de Páscoa e o chocolate cobertura. Sem dúvida, as datas sazonais, em especial a Páscoa, são um momento muito importante para atrair clientes e, para isso, o planejamento antecipado de compra é essencial para atender o consumidor e alavancar as vendas de categorias da cesta sazonal, além dos chocolates. Com o planejamento, é possível aprimorar toda a experiência de compra ao se antecipar para o consumo na data”, afirma.

 

SODIE

 

Segundo Cleusa Maria da Silva, de 55 anos, CEO e fundadora da Sodiê Doces, a maior rede especializada em bolos do Brasil com mais de 340 lojas em todo o país e algumas até no exterior, “Hoje em dia, os consumidores brasileiros gostam de presentear. Isso é fato. E, aliado a esse costume, buscam três coisas basicamente quando o assunto é gastronomia: sabor, qualidade, apresentação e facilidade. Assim, acredito que as empresas que primam sempre pela qualidade e novidade tendem a ter bons resultados. Este é um nicho de mercado muito grande e é preciso fazer diferença. O produto fresco, feito na hora, personalizado, sempre terá seu valor. No caso da Sodiê Doces, uma empresa consolidada e com produtos de alta qualidade, as pessoas esperam encontrar produtos com o sabor de sempre, alimentos que tenham uma boa apresentação e que sejam de fácil aquisição. Por isso, no caso da rede, atendemos em loja, site, apps próprios e delivery. Sendo assim, as nossas expectativas para a Páscoa de 2022 são grandes. Esperamos, inclusive, superar o sucesso do ano passado, que foi muito positivo, mesmo dentro de um cenário de pandemia de Covid-19. Para se ter ideia, em 2020, foram vendidos 25 mil ovos e 330 toneladas de bolo. Em 2021, foram comercializados 30 mil ovos e 400 toneladas de bolo. Neste ano, a perspectiva é de vender 41 mil ovos e 420 toneladas de bolos”.

 

Foto: Divulgação

 

Cleusa explica que a Páscoa 2022 da Sodiê Doces está bastante diversificada. “Sucesso na versão bolo, trazemos a combinação do tradicional licor irlandês, que une whisky e leite fresco. E chocolate é o recheio do ovo de colher Baileys, um lançamento da Sodiê Doces deste ano. Além do novo sabor, outros cinco compõem o cardápio da Páscoa, sendo Dois Amores, Trufado Preto e Branco, Brigadeiro, Alpino e o Brigadeiro de Leite em Pó, deixando a data ainda mais doce. Os ovos chegam em duas versões: uma casca de chocolate recheada por 69,90 reais e duas cascas por 132,90 reais para os cinco sabores. O de Baileys sai a R$ 84,90 uma casca e a R$ 159,90 duas cascas. Além de toda qualidade, o ovo de colher da Sodiê é um presente, que vem em caixa desenvolvida exclusivamente para a data, podendo conter uma ou duas metades recheadas. O desenvolvimento dos lançamentos, dos sabores e embalagens que estão sendo trabalhados começa em julho do ano anterior. Afinal, a Páscoa já é uma data na franquia há 10 anos. E o consumidor sempre busca novidades. Mas, é claro que os tradicionais agradam sempre. Porém, uma grande marca como a Sodiê precisa surpreender. Por isso, veio a inspiração de lançarmos um ovo de colher Baileys, que surgiu devido ao bolo com esse sabor, lançado em 2021, e que tem feito muito sucesso. Então, por que não trazermos esse sabor também para a Páscoa? A nossa perspectiva é a de vender 41 mil ovos e 420 toneladas de bolos neste ano”, reforça.

 

Foto: Divulgação

 

Mr. CHENEY

 

Élida Paiva é uma das fundadoras e responsável pelas receitas da Mr. Cheney, rede de cookies tipicamente americanos que possui mais de 80 unidades em operação espalhadas em 14 Estados brasileiros. Ela relata que, para a Páscoa deste ano de 2022, “trouxemos de volta as edições especiais e limitadas dessa data, que são muito esperadas pelos nossos consumidores, sendo em duas versões irresistíveis: cookies com cobertura e recheados. Os cookies recheados são o Cookie Sandwich Cenoura, com recheio de Ovomaltine cremoso e o Cookie Sandwich Pão de Mel, com recheio de doce de leite. A versão tradicional da época continua: Cookie Cenoura com cobertura de Ovomaltine cremoso e farofa de cookie duplo e o Cookie Pão de Mel com cobertura de doce de leite e farofa de cookie duplo. Mas, a novidade da Páscoa do Mr. Cheney neste ano é composta pelos kits de presentes que desenvolvemos em uma linha de embalagens especiais para presentear uma pessoa querida com os cookies tipicamente americanos. São quatro tipos de kits que podem ser montados de acordo com a preferência do cliente. São eles Presente Cookie com Cobertura com quatro cookies, Presente Cookie Clássico com seis cookies, Presente Cookie Sandwich P com quatro cookies pequenos e o Presente Cookie Sandwich G com dois cookies grandes. Além disso, é possível montar o Kit Presente combinando outros produtos Mr. Cheney que o cliente desejar”, divulga.

 

Foto: Divulgação

 

A empresária partilha também que “o nosso preparo para a Páscoa começa logo após o Natal, com embalagens, formulação e ajustes dos produtos. Desde que a Mr. Cheney existe, adotamos a Páscoa como uma data especial e com produtos sazonais especialmente para a data. E, já em algumas Páscoa, temos visto as pessoas buscando experiencias diferentes, não se limitando ao ovo de Páscoa, que, claro, continua sendo o produto campeão e querido dos consumidores. Mas, também vemos essa busca das pessoas em inovar e oferecer algo diferente para atender o público que busca diferentes alternativas para não ficarem na mesmice. Inclusive, já tivemos ano que trabalhamos com ovo de Páscoa, mas ainda sim os cookies sazonais foram os mais procurados. Por isso, não aderimos ao ovo neste ano. Hoje, temos no Mr. Cheney um público muito fiel que consome e gosta mesmo dos nossos cookies tipicamente americanos em qualquer época do ano. E a Páscoa tem se tornado o segundo Natal para muitas redes do varejo, sendo uma boa época para investir, especialmente, no consumo de produtos associados à linha de chocolates. Tem empresas que, nessa época, chegam a ter um bom desempenho no varejo tão bom quanto o do Natal e, algumas vezes, até melhor que o Dia das Mães, uma data também muito importante para o varejo e a indústria. Hoje em dia, as pessoas vêm inovando em seus métodos de compra cada vez mais, buscando produtos diferenciados e exclusivos, que agregam valor sentimental, além de opções que oferecem embalagens personalizadas e exclusivas para presentear”, avalia.

 

Élida Paiva da Mr. Cheney – Foto: Divulgação

 

GRUPO TALHO

 

Daniel Swerts, de 46 anos, é designer, administrador e Sócio-Diretor do Grupo Talho, marca de pães artesanais e doces caseiros em delicatessens aconchegantes para o café da manhã ou brunch localizadas no Rio de Janeiro, capital. Ele diz que “desde que o Talho começou a trabalhar com encomendas, por volta de 2003, a Páscoa passou a fazer parte do nosso calendário. É uma data que estimula as compras na loja pelo hábito dos presentes e dos ovos de Páscoa, mas também abre oportunidades nas refeições de família. Sempre procuramos trabalhar opções e novidades nos dois segmentos. Este ano, especificamente, estamos lançando um novo modelo de ovo de Páscoa, o Ovo Trufado Crocante, de chocolate ao leite com ganache de chocolate meio amargo e crocante no valor de R$ 105,00 a versão de 350g e alternativas de pratos para as refeições em família, em especial, o pernil de cordeiro acompanhado de batata assada e caramelizada por R$ 430, servindo 4 pessoas”, informa.

 

Daniel e Beto do Grupo Talho – Foto: Leo Martins

 

Para Swerts, “o chocolate sempre é uma temática forte, seja pelo tradicional ovo de Páscoa ou por outros produtos e ofertas, como bolos e cookies em formatos festivos. Ao mesmo tempo, há o lado das refeições em que diferentes opções são procuradas, como os pratos de peixe, pratos para receber a família e as sobremesas. Em 2021, por exemplo, tivemos uma forte demanda pelos ovos de Páscoa que, em função do isolamento social, viraram uma forma de presentear e diminuir as distâncias. Houve também uma procura por pratos e porções menores, pois muitas pessoas se reuniram em grupos pequenos. Para este ano, vemos que as reuniões voltarão a ser maiores e a busca por opções para toda a família vem aumentando. Por isso, estamos apostando nisso! A Páscoa tem uma simbologia que envolve toda a família, é uma data especial para confraternizar e presentear. Assim, uma boa oportunidade para o lançamento de produtos e abrangência maior do portfólio dos estabelecimentos, como o nosso, Talho Capixaba, que sempre cria uma frente no seu catálogo, seja na parte de doces ou salgados. Dessa forma, o mercado vem oferecendo uma gama enorme de produtos, biscoitos, pães, vinhos e outras variedades que vão além dos ovos e do chocolate em si”, aponta.

 

CUORE DI CACAU

 

Carolina Schneider, de 40 anos, é formada em Nutrição, mas pautou toda a sua formação na carreira de chocolateira, fazendo cursos e estágios na França e na Suíça. Há 18 anos, ela é chocolateira da Cuore di Cacao, uma chocolateria artesanal e familiar, tendo participado da sua criação juntamente com a sua irmã Bibiana Schneider.

 

Carolina Schneider e Bianca da Cuore di Cacao – Foto: Clau Pereira

 

Segundo a chocolateira, “a Páscoa é a data mais importante do ano para as chocolaterias. Então, na Cuore di Cacao, na ossa preparação começa em setembro do ano anterior. Começamos por definir um tema, o qual servirá de inspiração e será o fio condutor para toda a linha. É o tema também que inspira os novos sabores, o design das embalagens e a comunicação. A próxima etapa é o desenvolvimento dos sabores: esboçamos combinações, testamos e retestamos até chegarmos ao ideal que buscamos. Passamos, então, para a etapa de desenvolvimento das embalagens (estilo, desenhos, cores, texturas). Há um longo e importante trabalho nesse sentido. Paralelamente, trabalhamos nas previsões de quantidades a serem produzidas de cada item do portfólio. Em seguida, há os pedidos aos fornecedores, sendo que cadenciados conforme a necessidade de cada fase de produção. A produção propriamente dita inicia-se em janeiro. Neste momento, já trabalhamos também em todo o material de divulgação: fotos, catálogo e textos. O lançamento ocorre alguns dias após o Carnaval. E, a partir desse momento, já temos vários produtos disponíveis para venda em loja e outros sabores (de ovos recheados) que vão seguindo um cronograma de disponibilidade. Trabalhamos com a Páscoa desde antes de termos a Cuore di Cacao, portanto, há mais de 20 anos. Essa forma de nos organizarmos foi sendo construída ao longo dos anos. Hoje, funciona bastante bem”, detalha.

 

Ovo Rendado com Pingente da Cuore di Cacao – Foto: Divulgação

 

Nesta Páscoa, a aposta da Cuore di Cacao é na “coleção chamada ‘Ciclos’, que é inspirada pelas etapas vividas pela Cuore di Cacao até completar os seus 18 anos e, também, nos ciclos temporais da natureza. A nova coleção destaca o cacau em todas as suas fases: a terra, os primeiros brotos, o florescer, o fruto e as suas etapas até o amadurecimento. Representando os ciclos, o catálogo traz novidades, ao mesmo tempo em que relembra os maiores sucessos da Cuore di Cacao. O destaque do ano fica com o Ovo Rendado Fabergé, que é acompanhado de uma joia. O chocolate tem duas camadas, uma de Gianduia Latte e outra de Gianduia Nero. A surpresa desse ovo é a gargantilha com pingente Ovo Fabergé assinado pela conceituada designer de joias Silvia Doring. Há mais escolhas para presente com uma linha de cerâmicas. O Ovo de Cerâmica, por exemplo, é uma peça artesanal com ovinhos sortidos dentro. Já o prato de cerâmica tem uma peça artesanal em formato de ovo com bombons sortidos dos clássicos da Cuore di Cacao. As nossas metades de ovos recheados são um sucesso, seja para comer com colher ou fatiar, contando com os sabores Tiramisù, Banana Caramelada, Mousse de Maracujá, Pudim ou Torta de Limão. Os ovos com duplo recheio estão entre os mais pedidos, combinando uma camada cremosa e outra crocante. E um dos sabores inovadores que fez sucesso é o Gorgonzola, Doce de Leite e Nozes, com ganache de chocolate branco. Outro que figura entre os mais vendidos é o Pera e Baunilha, com casquinha de chocolate intenso 58% cacau e recheio de ganache de chocolate branco com baunilha em fava e pedacinhos de pera”, lista.

 

Schneider complementa que “desde que inauguramos a Cuore di Cacao, há 18 anos, sempre houve também uma busca por outros produtos feitos de chocolate nesta época do ano, sobretudo, os bombons. No entanto, a grande demanda mesmo é pelos ovos de Páscoa. Além deles serem um símbolo da data, têm um significado, mas há também uma grande variedade de sabores que não estão disponíveis em outras versões nem em outra época do ano. Atualmente, há clientes que preferem presentear também com barras de chocolate, mas não são a maioria. De qualquer forma, temos opções para todas essas demandas. Ovos de vários sabores, tamanhos, estilos, muitas opções de bombons, além de barras puras, crocantes e recheadas. Há muitos anos, os nossos produtos mais vendidos são os ovos recheados. E, no último ano, um dos campeões de venda foi a caixa com seis ovos completamente recheados. São ovos do tamanho de ovos de galinha, com recheios cremosos e apresentados em uma linda caixinha. Este ano, temos três versões deste produto: Nuts (creme de amêndoas, creme de avelãs e creme de pistache), Frutas (limão siciliano com tomilho limão, maracujá e frutas do bosque) e a caixa com os ovos Trufados Ao Leite. Eu acredito que a Páscoa tenha uma grande importância para o brasileiro. Então, penso que sim, é uma boa oportunidade para outros setores da gastronomia investirem e terem alguns produtos focados no tema. O brasileiro gosta de novidade, gosta de ter opções. Com isso, penso que essa possa ser uma razão para buscarem outras possibilidades”, argumenta.

 

GRUPO ST MARCHE

 

Roberta Becker é Head de Marketing do Grupo St Marche, uma rede de supermercados de bairro com 20 lojas em São Paulo, capital, e Grande São Paulo. Ela compartilha que a marca entende “a Páscoa como um momento sazonal bem relevante para o mercado em geral e, dentro do cenário atual, ‘pós-pandemia de Covid-19’, tem um significado importante para algumas pessoas. Por isso, nós, por exemplo, estamos preparados com muitas novidades para esta data nas lojas das nossas duas marcas, St Marche e Empório Santa Maria. Teremos uma linha de ovos exclusiva, com sabores novos, como o de Creme Brulée, miniovinhos para as crianças, ovos drages, além dos tradicionais ovos de marcas de mercado. No Empório Santa Maria, teremos ainda uma linha de rotisserie completa para quem quiser encomendar, com opções de peixes, entradas e sobremesas. Tudo pensado na praticidade para o consumidor, que deve reunir-se com amigos e familiares nesta data. Nós trabalhamos a Páscoa quase com um ano de antecedência, estudando tendências de consumo para inovar na seleção dos itens que levam as nossas marcas. Buscamos fornecedores qualificados para desenvolver esses produtos, fazemos diversos testes e provas até chegar no ponto/sabor ideal. A Páscoa faz parte do calendário sazonal do Grupo. Hoje, acreditamos que sempre teremos mercado para ovos de chocolate tradicionais tão esperados pelo público infantil, contudo, existem novos produtos voltados para público fit ou com restrições alimentares, que surgem como alternativa e até como inclusão na celebração que vem ganhando espaço das gôndolas. Então, por que não fazer uma criança com diabetes participar da Páscoa e sorrir ao ganhar o seu ovo como as demais? Além disso, as opções presenteáveis estão, cada vez mais, atrativas, com embalagens lindas que parecem joias. Os ovos de chocolate sempre têm relevância neste período. Nós não podemos abrir números de previsões de vendas, mas temos uma expectativa de vender também ingredientes para receitas de Páscoa, como o bacalhau, já conhecido, e sobremesas”, aguarda.

 

Roberta Becker do Grupo St Marche – Foto: Divulgação

 

A Head de Marketing acrescenta que “a Páscoa antecede o Dia das Mães e é a data mais relevante do mês de abril para o varejo alimentar. Possui um simbolismo forte para alguns e sim é uma data de presentear também. Cada vez mais, encontramos inúmeras opções além do ovo de chocolate, sejam elas caixas de bombons, biscoitos, frutas secas e outros itens comestíveis”, endossa.

 

DIVINA PROVIDÊNCIA

 

Manuela Ornelas de Abreu, de 34 anos, é farmacêutica mestre em Patologia Humana e Sócia-Proprietária da Peixaria Divina Providência, uma peixaria e bar criados por ela que funciona em Irajá, um bairro da Zona Norte do Rio de Janeiro, capital.

 

Manuela Ornelas da Peixaria Divina Providência – Foto: Divulgação

 

Atualmente, Abreu divide que “o meu trabalho tem sido o gerenciamento das redes sociais da loja, onde, todos os dias, eu posto receitas e dicas de preparo de pescado como inspiração para pratos de Páscoa. Na peixaria, nós selecionamos os melhores produtos com preços acessíveis para todos, além de montar toda uma estrutura capaz de atender a demanda de mais de 100%. Há 8 anos, a Páscoa é sempre uma época de bastante preparação. Isso porque, para a gente, a data é considerada o nosso Natal, sendo o período de maior movimento. Dessa forma, é preciso contratar mais de dez funcionários extras e montar tendas ao lado de fora da peixaria para abrigar as pessoas na fila. É, realmente, uma estrutura bem complexa. Hoje em dia, com os ovos de Páscoa nos valores que estão, as pessoas procuram outras alternativas. A minha família, por exemplo, sempre participou da Páscoa. Nós somos católicos, então, é o período do ano que, além de comercialmente mais importante para nós, como cristãos também tem uma grande importância”, ressalta.

 

Na visão da empresária, é importante enfatizar ainda que “todas as datas são importantes para quem vende algo, é uma pauta quente. Assim, quem vende algum produto até BBB tem que usar em prol de se reinventar para entregar mais ao consumidor. Tudo vira notícia, tudo vira tema, tudo pode ser aproveitado. Assim, eu tenho feito nas minhas redes sociais, que dirá um feriado nacional. A Páscoa é igual Natal, todo mundo vive”, orienta.

 

E você? Aproveitou a Páscoa no seu negócio de food service? Continue nos acompanhando pois, para nós da Rede Food Service, dar dicas práticas que contribuam paraa alavancar o mercado de alimentação fora do lar é o que nos move!

Escrito por #molongui-disabled-link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Comentários

0 comentários

Cupim recheado com Bacon

Putz!: conheça a marca de pasta de amendoim saudável que nasceu de forma artesanal em 2018 e já cresce 60% ao ano