in

Kraft Heinz inova e implementa benefícios para colaboradores em processo de transição de gênero

A ação pioneira reforça o compromisso da companhia com a diversidade e inclusão de pessoas trans em seu quadro de funcionários

Entre as metas de inclusão e diversidade previstas estão: ter mais de 10% de pessoas LGBTQIA+ em seu quadro de funcionários, 50% de mulheres em toda a empresa (já alcançadas), 50% de mulheres em cargos de liderança e 56% de pretos e pardos - Foto: Getty Images

 

A Kraft Heinz, multinacional do ramo de alimentos e detentora das marcas Heinz e Quero no Brasil, implementou uma política de benefícios e diretrizes para colaboradores que estejam no processo de transição de gênero.

 

Com esta novidade, a empresa torna-se uma das companhias pioneiras na oferta desse tipo de ação afirmativa para pessoas trans, reforçando a transformação cultural pelo qual a multinacional vem passando nos últimos dois anos, visando consolidar uma cultura cada vez mais focada nas pessoas. Os benefícios serão oferecidos a todos os colaboradores da KHC na América Latina.

 

Entre os benefícios para os colaboradores que estiverem em processo de transição de gênero estão subsídio mensal por um ano para tratamento hormonal e licença remunerada de 20 dias para qualquer caso de transição que envolva realização de cirurgia, além de apoio psicológico via plano de saúde.

 

A companhia também desenhou diretrizes para um plano de transição de gênero no local de trabalho. Acessibilidade a banheiros e vestiários que correspondem à identidade de gênero do colaborador, alteração de nomes e pronomes em todos os registros pessoais e administrativos, bem como em registros oficiais após a mudança de nome legal, e o direito à privacidade são alguns dos pontos do plano.

 

Flavia Caroni, VP LATAM de People da Kraft Heinz – Foto: Divulgação

 

“A Kraft Heinz está totalmente comprometida e preparada para apoiar o processo de transição de gênero dos colaboradores. As diretrizes são parte de políticas internas que proíbem a discriminação e o assédio com base na identidade de gênero e expressão de gênero, e refletem nossa filosofia de trabalho de que todos os funcionários devem ser tratados de forma justa, com dignidade e respeito, além de reforçar nosso compromisso com uma cultura inclusiva”, explica Flavia Caroni, VP LATAM de People da Kraft Heinz, para a Rede Food Service.

 

Outro ponto relevante é o encorajamento pela Kraft Heinz do colaborador que esteja passando pela transição, a participar na educação dos colegas de trabalho sobre o processo em qualquer nível em que a pessoa se sentir confortável — mas sem obrigatoriedade, garantindo também a confidencialidade, já que a divulgação só deve ser feita com consentimento da pessoa.

 

“Além do apoio às pessoas passando por uma transição de gênero, queremos conscientizar os times da importância dessas mudanças na vida da pessoa, promovendo um ambiente de trabalho diverso e inclusivo. O colaborador em processo de transição tem o direito de ser abertamente quem é, de expressar sua identidade de gênero sem medo, incluindo roupas, documentos, higiene e o uso de novo nome ou pronome de gênero”, ressalta a executiva.

 

Pessoas trans que queiram cadastrar seus currículos no Banco de Talentos da companhia, podem fazê-lo por meio de um link exclusivo no LinkedIn da Kraft Heinz.

 

Compromissos em Diversidade & Inclusão

 

Um dos pilares que também norteiam a transformação cultural dentro da multinacional são as ações afirmativas em prol da Diversidade, Inclusão e Pertencimento, que estão ajudando a companhia a alcançar seus compromissos firmados até 2023. Entre as metas previstas estão: ter mais de 10% de pessoas LGBTQIA+ em seu quadro de funcionários, 50% de mulheres em toda a empresa, duas metas que já foram alcançadas; além de 50% de mulheres em cargos de liderança e 56% de pretos e pardos.

 

Outras atividades internas auxiliam na conscientização por maior equidade junto a todos os funcionários, como as formações para líderes, discussões abertas com colaboradores e grupos de afinidade, recrutamento ativo de pessoas pretas e pardas, LGBTQIA+ e pessoas com deficiência e ações sobre mudanças necessárias para que todas as pessoas se sintam pertencentes ao trabalhar na companhia.

 

A multinacional também implementou uma nova política de licença parental, voltada aos seus colaboradores que formam casais homoafetivos e que vierem a ter filhos. Os funcionários terão direito a 180 dias de licença após o nascimento do bebê ou adoção da criança, seguidos da opção de trabalhar no regime de teletrabalho até o primeiro ano de vida da criança.

 

Além disso, entre outros projetos voltados ao trabalho flexível, estão o aumento da licença maternidade para mães em todas as composições familiares, que também terão acesso aos mesmos direitos dos casais homoafetivos, e a ampliação da licença paternidade, na qual pais em todas as composições familiares terão 30 dias de licença e a opção de trabalhar em teletrabalho até os 3 meses de vida da criança.

 

“Entendemos que um dos papéis das organizações é representar, de fato, a sociedade em que estão inseridas. Profissionais talentosos podem ser encontrados em todos os recortes da sociedade, independente de origem étnica, orientação sexual ou viés social”, finaliza a executiva.

 

Sobre a Kraft Heinz

Com vendas líquidas de aproximadamente US$ 6,9 bilhões no Q4 de 2020, a Kraft Heinz está comprometida com o crescimento de suas marcas icônicas e emergentes de alimentos e bebidas em uma escala global. A companhia alavancou escala e agilidade para desencadear todo o poder de Kraft Heinz por meio de um portfólio de plataformas de produtos voltados para o consumidor. Formada por cidadãos globais, a companhia se dedica a fazer um impacto sustentável e ético no mundo, enquanto ajuda a alimentar as pessoas de forma saudável e responsável.

Escrito por #molongui-disabled-link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Comentários

0 comentários

Delly’s Food Service anuncia aquisição da Fröhlich e amplia sua presença no Sul do país

Bife do Vazio recheado com Farofa de Abacaxi