in

Cursos online de Gastronomia são uma boa pedida em tempos de pandemia

Chefs de cozinha e instituições de ensino ligadas ao ramo food service passaram a investir mais em formações virtuais como uma maneira de reinvenção e manutenção ativa no mercado

O SENAC oferece cursos online de Gastronomia desde 2018 - Foto: Getty Images

 

Desde o começo da atual pandemia de Covid-19, em março de 2020, a procura dos brasileiros por cursos e capacitações online cresceu mais de 200%, conforme pesquisa realizada e divulgada pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) São Paulo, que teve como período de análise os seis primeiros meses do ano passado em comparação com a mesma data de 2019. Assim como, levantamento feito pela Catho Educação, site brasileiro de classificados de empregos, apontou que, entre 21 de março e 6 de abril também de 2020, houve um aumento de 68% nas matrículas para cursos EAD ou semipresenciais, enquanto, nas semanas entre 3 e 20 de março, a plataforma registrou um crescimento de 44% na procura por cursos à distância.

 

Já estudo do Google serviu de base para a descoberta de que a procura por cursos de especialização EAD teve um aumento de 130% no pico da quarentena, assim como pesquisa virtual feita com mais de 1,7 mil entrevistados pela NZN Intelligence, a plataforma de inteligência e pesquisa da NZN, elenca que 40% dos entrevistados, a maioria entre 18 e 34 anos de idade, passaram a cogitar a se inscreverem em cursos online desde o início da pandemia de Covid-19.

 

Frente a esse cenário em que o interesse de boa parte da população brasileira em se capacitar mesmo no real momento de crise social e econômica só vem evoluindo, trabalhar com cursos online de Gastronomia vem sendo uma boa pedida para profissionais e instituições de ensino que atuam no ramo food service como uma maneira de reinvenção e manutenção ativa no mercado, como é o caso de Carla Maia, Chef de Cozinha especialista em gastronomia inclusiva. “Atualmente, eu e minha equipe estamos trabalhando com o curso online A Nova Confeitaria Inclusiva e Natural. É um curso de bolos decorados sem glúten e veganos. Eu criei esse curso, pois eu acredito que o mundo realmente mudou e existe a necessidade de se pensar em uma outra confeitaria. Uma confeitaria que seja capaz de aliar sabor e bem-estar. Uma confeitaria que seja capaz de incluir pessoas que não podem ou não desejam consumir o glúten e os ingredientes de origem animal. A Nova Confeitaria é um curso online com aulas gravadas, em que eu apresento, detalhadamente, o passo a passo dos melhores bolos decorados sem glúten, sem leite, sem ovos e sem soja. A primeira novidade deste curso é apresentar a possibilidade de bolos sem glúten com fermentação química e bolos sem glúten com a fermentação natural. A fermentação natural na confeitaria é uma oportunidade absolutamente incrível e muito promissora. Os resultados das massas de bolos de fermentação natural são maravilhosos. No curso, ensino mais 14 opções de massas de bolos e 30 opções de recheios, como doce de leite vegano, brigadeiro low carb, ganache de frutas vermelhas, de maracujá, de limão sicialino, caramelo funcional, geleia de frutas vermelhas, brigadeiro caramelo salgado e palha italiana. A grande estrela do curso é o buttercream vegano, que, realmente, é transformador, já que podemos trabalhar com uma cobertura com facilidade de aplicação, possibilidades infinitas de decorações e a utilização de corantes naturais, que, inclusive, eu ensino no curso. Enfim, é um curso completo para quem deseja conhecer essa nova forma de cozinhar”, detalha.

 

Chef Carla Maia – Foto: Divulgação

 

Maia iniciou o seu trabalho com cursos virtuais antes mesmo do começo da atual pandemia de Covid-19. “Foi em 2017, quando eu apresentei o meu primeiro curso online direcionado especificamente ao público com necessidades alimentares especiais. Mas, a motivação inicial foi o nascimento da minha filha. Em 2014, a minha filha foi diagnosticada com alergias alimentares múltiplas (trigo, leite, ovos e soja). A necessidade alimentar especial é uma condição que altera completamente a rotina alimentar e a vida social de uma família, pois a possibilidade de realizar alimentações fora de casa fica muito restrita, uma vez que existe uma carência grande no oferecimento de serviços e produtos de qualidade. Nesse período, eu fui obrigada a reaprender a cozinhar absolutamente tudo. O diagnóstico das alergias alimentares múltiplas mudou completamente a minha visão sobre a culinária. Foram muitos meses de intensas pesquisas e testes diários até chegar nos primeiros resultados satisfatórios. Naquele período, eu compartilhava com outras mães que também passavam pelo mesmo problema da dificuldade em encontrar produtos e serviços adequados. Eu percebi, então, que a melhor forma de contribuir com outras famílias era compartilhando a minha experiência. Assim, o curso online foi um caminho natural. De lá para cá, já foram diversos cursos online e mais de 8000 alunos matriculados”, relata.

 

www.chefcarlamaia.com

 

A partir de sua rica experiência com cursos online de Gastronomia, a chef avalia que “a pandemia de Covid-19 acelerou muito a digitalização de várias relações sociais, entre elas, o ensino e qualificação profissional. Então, de um lado, os cursos online são uma ferramenta muito interessante para os chefs que desejam se qualificar, aprender novas áreas ou se atualizar em novos nichos de mercado. Por outro lado, acho que os cursos online representam também uma boa oportunidade para os chefs que desejam se lançar como professores. A grande verdade é que o mercado online de cursos ainda possui uma barreira de entrada relativamente baixa, se comparada com o mercado convencional. Nos últimos anos, o mercado tem se profissionalizado muito, mas ainda sim os custos para lançar um curso online são relativamente baixos. Então, os cursos online são sim uma grande oportunidade”, recomenda.

 

Precursionismo com solidez

 

Bem antes do começo da atual pandemia de Covid-19, quando ensinar e aprender de forma online ainda era quase uma utopia, a Universidade Anhembi, localizada em São Paulo, capital, já oferecia cursos online relacionados ao universo da gastronomia.

 

De acordo com Roberto Almeida, de 34 anos e Head da Gastronomia Online da Universidade Anhembi Morumbi, a primeira formação virtual da instituição foi lançada em 2010, sendo “o primeiro curso de Gastronomia online do Brasil. Hoje em dia, temos a graduação em Gastronomia EAD (Tecnologia), o MBA em Gastronomia e Gestão de Negócios em Alimentos e Bebidas e as pós-graduações em Gestão de Negócios em Gastronomia e em Segurança Alimentar”, apresenta.

 

Beto Almeida – Foto: Divulgação

 

Conforme Almeida, que é conhecido por Beto Almeida, formado em Administração de Empresas e em Gastronomia, com MBA em Marketing e Especialização em EAD, além de também ser apresentador de TV e especialista em produtos voltados à gastronomia, hoje em dia, os cursos online relacionados à essa área podem ser considerados a ‘grande salvação’ para que os chefs consigam vencer os efeitos da pandemia de Covid-19. “A pandemia trouxe uma série de novos desafios para todos os setores. Para que inúmeros negócios pudessem permanecer ativos com seus serviços em meio a um novo e diferente cenário, muitos setores precisaram, de fato, se reinventar. Os hábitos dos consumidores também mudaram e, naturalmente, acompanharam o momento atual. Dessa forma, a necessidade de criar diferenciais para se destacar no ramo se fez fundamental. Entre os mercados que tiveram grandes mudanças está, sem dúvida, o gastronômico. Com a quarentena, restaurantes que trabalhavam com a parte de salão precisaram se adaptar, assim como estabelecimentos que atuavam com serviços de buffet tiveram que passar por diversas transformações.   Enquanto uns se inscrevem para se divertir na cozinha, outros pretendem adquirir habilidades para um envolvimento lucrativo e, futuramente, abrirem ou expandirem seu próprio negócio. Seja qual for o propósito, ao estudar Gastronomia, o aluno finaliza o curso entendendo mais sobre os bons ingredientes, a boa comida e as melhores técnicas e métodos de cozinhar cada alimento, enquanto se diverte, é claro, com os processos práticos. A grande vantagem de um curso online é a possibilidade de aproveitar todos os benefícios das aulas de maneira flexível, confortável (na sua própria cozinha) e no horário que for mais viável”, explica.

 

www.anhembionline.com.br

 

Nos cursos virtuais da Universidade Anhembi Morumbi, Almeida garante que “os alunos são acompanhados em cada uma das disciplinas durante todo a formação, que tem duração de dois anos e podem tirar dúvidas sobre a preparação dos pratos e outras atividades em um fórum online. As avaliações são realizadas ao longo do curso e ao final de cada disciplina. Testes online, com atividades objetivas e dissertativas, são aplicados para composição das notas das disciplinas, além de avaliações práticas com reprodução e apresentação (fotos e vídeos) das receitas solicitadas. Trabalhamos com ferramentas técnicas, conteúdos altamente assertivos e recursos audiovisuais de ponta. Além de todo o conteúdo teórico cuidadosamente elaborado e periodicamente atualizado, o aluno tem à sua disposição videoaulas interativas, podcasts e vídeos 360º que o permitem circular e interagir com conteúdos produzidos dentro das nossas cozinhas pedagógicas. A cereja do bolo fica por conta das MasterClasses disponíveis em todas as disciplinas práticas do curso de Gastronomia, com produções executadas por chefs renomados, como Erick Jacquin (Master Chef – Band), Helena Rizzo (Maní e Master Chef – Band), Rafa Costa e Silva (Mestre do Sabor – Rede Globo), Rodrigo Oliveira (Mocotó), Lucas Corazza (Que Seja Doce – GNT) e outros. O curso contempla ainda a capacitação para gerenciamento de negócios, com foco na gestão de restaurantes, buffets, hotéis e outros empreendimentos. Disciplinas como Planejamento de Cardápio e Composição de Custos, Serviço de Salão e Eventos e Planejamento e Gestão em Gastronomia fazem parte da grade curricular obrigatória”, ressalta.

 

Pioneirismo de destaque

 

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) é outro pioneiro do ramo de cursos online de Gastronomia que permanece em destaque, pois, desde o ano de 2018, a tradicional instituição já oferta esse tipo de formação tão procurada e, atualmente, trabalha com uma grade bastante diversificada e atualizada.

 

Cesar Almada – Foto: Divulgação

 

Conforme César Almada, de 34 anos, Gastrônomo e docente de cursos livres, técnicos e de qualificação profissional de Gastronomia e Sala Bar do Senac São Paulo,  “hoje, a nossa grade de cursos online relacionados à Gastronomia varia com ofertas de cursos livres (cursos de aperfeiçoamento, qualificação profissional, capacitação, aprimoramento ou desenvolvimento pessoal e profissional ofertados a pessoas de diferentes níveis de escolaridade, denominados de Formação Inicial e Continuada – FIC), com duração de 20 a 60h, sobre diversas cozinhas e técnicas como cozinha japonesa, cozinha árabe e preparo e decoração de bolos, como também de Controle de Estoque e segurança alimentar. Assim como, pós-graduação, lato sensu, com os cursos de Bebidas, Gestão da Segurança de Alimentos e Gestão de Negócios em Serviços de Alimentação e extensão universitária, com cursos como o de Gestão Financeira para Negócios em Alimentação e de Planejamento e Gestão de Cardápios”, informa.

 

www.ead.senac.br

 

Para o professor, “quem trabalha na área de alimentação sempre precisou estudar em horários alternativos, precisava sacrificar férias ou fazer escalas com trocas intermináveis para conseguir acompanhar cursos presenciais. A oferta de cursos online possibilita a organização de acordo com o horário de trabalho do aluno e ainda contribui para o desenvolvimento profissional sem a necessidade de concentrar pessoas neste momento em que o distanciamento social é tão importante. Os nossos cursos livres, por exemplo, são ofertados em ambientes virtuais com aulas em sistema WebTV, acompanhados de material de leitura e avaliação, que devem ser realizados em até 30 dias corridos. E, durante o curso, o aluno recebe atendimento de tutoria especializada para responder as dúvidas. Hoje, estão disponíveis os cursos de Aproveitamento Integral dos Alimentos; Boas Práticas e Controles Operacionais Essenciais para Serviços de Alimentação: NBR15635; Boas Práticas para Serviços de Alimentação e Distribuição; Brigadeiro Gourmet; Comida de Botequim; Congelamento de Alimentos; Controle de Estoques em Alimentos e Bebidas; Cozinha Árabe; Cozinha Brasileira; Cozinha Fácil e Rápida; Cozinha Internacional; Cozinha Italiana; Cozinha Japonesa; Cozinha Vegetariana; Culinária Light e Diet; Culinária Trivial; Departamento de Alimentos & Bebidas na Hotelaria; Enogastronomia; Garçom; Garde Manger-Preparo de Receitas Frias; Gastronomia Funcional; Introdução aos Vinhos; Preparo de Biscoitos/bolachas; Preparo de Bombons; Preparo de Carnes, Aves, Peixes; Preparo de Doces Espelhados e Glaceados; Preparo de Docinhos Básicos; Preparo de Drinques e Coquetéis; Preparo de Finger Food; Preparo de Hambúrguer Gourmet; Preparo de Massas; Preparo de Molhos; Preparo de Pães Caseiros e Artesanais; Preparo de Pizza; Preparo de Risotos; Preparo de Sobremesas; Preparo de Sopas; Preparo de Verrines e Cupcakes; Preparo e Decoração de Bolos; Salgados para Confeitaria; Tortas Doces e Salgadas. Os cursos de Extensão Universitária e Pós-graduação são ministrados em ambiente virtual, com acompanhamento docente, material didático disponibilizado em plataforma de fácil acesso. Tem como público-alvo universitários ou graduados que atuam na área de alimentação. Os Cursos de Extensão Universitária têm duração de 40h, que podem ser parcelados em até 3 vezes e estão disponíveis os cursos de Gestão Financeira para Negócios em Alimentação e Planejamento e Gestão de Cardápios. Tais formações são ofertadas com data de início e fim e, quando disponível para inscrição, cada uma é divulgada no portal. Os cursos de pós-graduação lato sensu possuem duração de 360h, distribuídas em 18 meses, com data de início e fim e são divulgados no portal como os Cursos de Extensão.  Para contribuir com a crise econômica em decorrência do Novo Coronavírus, o Senac São Paulo oferece desconto promocional de 30% nos cursos e conta ainda com opções de parcelamento”, divulga.

 

E aí? Decidiu fazer e ou começar a dar cursos online de Gastronomia com o intuito de vencer os atuais desafios do mercado de alimentação fora do lar? Se sim, nós da Rede Food Service ficamos felizes, pois acreditamos que esse ramo é feito de gente e já é comprovado que pessoas mais preparadas possuem, consequentemente, mais chances de vencer, não é mesmo? Então, corra atrás da sua reinvenção!

Escrito por #molongui-disabled-link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Comentários

0 comentários

Moët & Chandon oferece personalização de garrafas no Empório Santa Maria para o Dia dos Namorados

Como a operadora do McDonald’s na América Latina removeu 40% do plástico de um só uso de seus restaurantes