Pesquisar
Close this search box.

Pesquisa mostra que número de empresas que aderiram a clubes de assinatura cresceu 60% em 2020

Levantamento feito pela Betalabs também constatou que os segmentos de ‘Bebidas’ e ‘Alimentos’ estão entre os que mais se destacam no modelo de negócio

Foto: Rede Food Service - Getty Images

 

Pelo o que tudo indica, os clubes de assinatura se tornaram um dos modelos de negócio que melhor se adaptou ao ‘novo normal’ decorrente da atual pandemia de Covid-19 iniciada no Brasil em março de 2020. Prova disso é que, de acordo com pesquisa feita pela Betalabs, empresa de tecnologia especializada na oferta de soluções para e-commerce, o número de empresas que aderiram a clubes de assinatura cresceu 60% no ano passado em relação a 2019.

 

Durante a pandemia foram lançados 800 novos clubes em todo o país e a estimativa é de que, por dia, 600 novos consumidores assinem os mais diversos tipos de pacotes, segundo a pesquisa.

 

Nos últimos 5 anos, o número de empresas que atuam como clubes de assinaturas, saltou de 300, para quase 4 mil.

 

Conforme o levantamento, o segmento de ‘Bebidas’ e ‘Alimentos’, representam 18% e 17%, respectivamente, do total de clubes de assinatura no país, ficando atrás somente da categoria ‘Livros’.

 

Outra importante constatação do estudo é que grande parte dos clubes de assinatura está na região Sudeste e que, três em cada dez clubes, o que representa 30%, estão em São Paulo, capital. Já Rio de Janeiro e Minas Gerais são os Estados que detêm 13% e 12%, respectivamente.

 

Em entrevista à Rede Food Service, Luan Gabellini, Sócio-Diretor da Betalabs, comentou que “os clubes de assinatura têm um modelo de negócio que se adequou perfeitamente à realidade imposta pela pandemia de Covid-19. A pessoa consegue receber seus produtos preferidos no conforto de sua casa, sem se expor em aglomerações de supermercados e com toda a facilidade que a internet oferece”, avalia.

 

Perfil médio dos consumidores de clubes de assinatura

 

Ainda por meio da pesquisa realizada pela Betalabs, foi possível traçar o perfil médio dos consumidores de clubes de assinatura: 55%, são jovens com idade entre 18 e 34 anos e praticamente seis em cada dez consumidores são do gênero feminino (59,5%), assim como mais de um terço (36,3%) mora em São Paulo.

 

O ticket médio gasto em todos os segmentos é de R$ 59,70.

+ posts

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Fique Atualizado!

Assine nossa newsletter

Veja também...