Pesquisar
Close this search box.

Forno de Minas doa mais de 7 toneladas de produtos congelados a comunidades carentes afetadas pelo Covid-19

Doação foi realizada por meio de duradoura parceria com o Programa Mesa Brasil, do Sesc

Mais uma empresa do ramo food service uniu esforços para ajudar famílias atingidas pela atual crise social e econômica decorrente da pandemia de Covid-19. Desta vez, foi a Forno de Minas que, por meio da sua parceria desde 2016 com o Programa Mesa Brasil, do Serviço Social do Comércio (Sesc), que fez doações para comunidades carentes afetadas pela doença e suas consequências.

Programa Mesa Brasil Sesc em parceria com a Forno de Minas

A organização, atual líder de mercado na comercialização de pães de queijo no Brasil, entregou mais de 7 toneladas de produtos congelados durante o mês de abril aos beneficiados. “Segundo dados do programa, em Belo Horizonte, Minas Gerais, mais de 25 mil pessoas foram beneficiadas com as doações, que incluíam pães de queijo, croissants, folhados entre outros produtos. Além da capital mineira, comunidades em situação de vulnerabilidade social dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e o Distrito Federal também receberam os alimentos”, informou a assessoria de imprensa da Forno de Minas à reportagem da Rede Food Service.

 

Mais ações ligadas à pandemia

 

Desde a chegada do novo Coronavírus ao Brasil, a Forno de Minas também vem tomando uma série de medidas de prevenção contra a doença. Prova disso é que preferiu manter o funcionamento de suas fábricas para não deixar de abastecer o varejo, assim como adotou medidas rigorosas de segurança para preservar a saúde de seus mais de 1200 colaboradores. “Para a área administrativa, o modelo de home office foi rapidamente implementado, enquanto as visitas às fábricas, reuniões presenciais e viagens foram suspensas por tempo indeterminado. Na sede da empresa, dispensers de álcool em gel foram instalados, a higienização reforçada e a permanência em espaços comuns, como o refeitório, limitada. Para complementar as medidas de segurança, a temperatura dos colaboradores, que estão usando máscaras em tempo integral, está sendo diariamente aferida na entrada das fábricas”, acrescentou a assessoria em seu informativo.

 

Atualmente, a Forno de Minas, que, este ano, comemora três décadas de história, conta com uma indústria de laticínios própria e com o trabalho de aproximadamente 1.200 colaboradores espalhados em suas oito filiais pelo Brasil, tendo ainda uma subsidiária nos Estados Unidos.

+ posts

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Fique Atualizado!

Assine nossa newsletter

Veja também...