Pesquisar
Close this search box.

Consumo por meio de apps de delivery aumenta em 703% devido ao trabalho home office

Dado é fruto de levantamento realizado pela Flash Benefícios, startup de benefícios flexíveis

Nota Consumo por meio de apps de delivery aumenta em 703 devido ao trabalho home office scaled 1
Nota Consumo por meio de apps de delivery aumenta em 703 devido ao trabalho home office scaled 1

Levantamento realizado pela Flash Benefícios, startup de benefícios flexíveis que opera por meio de um cartão único, aponta que a nova rotina de trabalho dos brasileiros no modelo home office decorrente da necessidade do isolamento social por causa da atual pandemia de Covid-19, já afeta, expressivamente, o consumo por meio dos aplicativos de delivery.

 

Conforme a pesquisa, “houve um aumento no consumo do cartão de benefício em aplicativos de delivery de 703,3% ao comparar fevereiro, período antes da quarentena, com abril, quando as regras de isolamento social estavam mais rígidas.

Conforme as empresas foram adotando o trabalho remoto durante o mês de março, as compras em lojas de conveniência, como snacks e chocolates, também subiram e registram crescimento de 12,7%.

A categoria de saúde, como compras de itens de higiene pessoal e medicamentos, também obteve crescimento ao comparar o período ante e pós-quarentena. Entre fevereiro e abril, o uso subiu 13,08%.

Enquanto isso, houve queda significativa (78%) do uso do cartão com aplicativos de transporte”, relata a empresa em suas conclusões do estudo.

Ricardo Salem, CEO da Flash Benefícios

Em entrevista à reportagem da Rede Food Service, Ricardo Salem, CEO da Flash Benefícios, avalia que esse novo hábito de consumo caracteriza o ‘o novo normal’ do brasileiro e que isso deve ser levado em consideração pelos empresários. “O ‘novo normal’ exigirá mais consciência dos brasileiros. Por mais que se discuta uma flexibilização da quarentena, por segurança, muitas empresas continuaram adotando o home office como forma de incentivar o distanciamento social e o consumo de delivery deve permanecer alto nos próximos meses. Por isso, a necessidade de se flexibilizar o pacote de benefícios dos funcionários e dar a eles mais opções de escolha”, aconselha.

+ posts

Compartilhar:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Fique Atualizado!

Assine nossa newsletter

Veja também...

Mane4

Mané: a rede de franquias de botecos que faturou R$ 67 milhões ano passado e deve abrir mais 15 unidades agora em 2024

Com atuais mais de 20 unidades em funcionamento, a marca foi criada em 2019 a partir do desejo de três amigos botequeiros que sentiam a necessidade de uma opção de boteco diferenciado no Rio de Janeiro, capital

  Proporcionar aos clientes experiências gastronômicas únicas sem perder a cultura raiz de um bom boteco. Esse é o propósito da Mané, uma rede de

Leia mais »